Federação  Cearense  de  Basketball

 

                                                                                                                                Fortaleza, 22 de janeiro de 2015

 

Nota Oficial  NO  003/2015

XXV  CAMPEONATO CEARENSE ADULTO FEMININO (ATÉ 2000)

LI  CAMPEONATO CEARENSE INFANTIL MASCULINO  (2000  A 2002)

XX  CAMPEONATO  CEARENSE   INFANTIL  FEMININO   (2000  A 2002)

 

Tendo em vista corrigir publicações anteriores em face da idade limite para as competições da FCB e do novo regimento de taxas adotadas (Nota Oficial 234 de 10 de dezembro de 2014), publica-se para conhecimento e cumprimento pelos interessados:

Inscrições                        Até 23 de janeiro de 2015

Congresso Técnico         31 de janeiro de 2015, às 1630h, no Círculo Militar de Fortaleza

 

Regulamento geral

a)    Exclusivo para as associações filiadas à FCB. Excepcionalmente associações  não filiadas poderão ser aceitas, mas passam a ser estatutariamente vinculadas à FCB até o término da competição.

b)   Todas as associações convidadas aceitas pela FCB, inclusive seus jogadores, não poderão participar de competições paralelas organizadas por outras entidades, particularmente por entidades não reconhecidas pela FCB, sendo essa violação passível de exclusão imediata da competição, a critério exclusivo da FCB.

c)    Cada equipe poderá inscrever até 15 jogadores para a competição e o  Técnico de cada equipe deverá possuir registro CREF ativo, sem pendências.

d)   Uma pessoa física poderá exercer funções (Técnico, jogador, acompanhante de equipe, etc) em equipe diferente, sujeitando-se ao cumprimento de apenações de caráter obrigatório e, se for o caso, ao cumprimento das demais aplicadas pelo Tribunal de Justiça Desportiva – TJD.

e)   As equipes poderão efetuar substituições de jogadores somente na fase de classificação, mas um jogador substituído não poderá mais ser reincluído, qualquer que seja o motivo.

f)     Todos os jogadores deverão possuir registro ativo na FCB e na Confederação Brasileira de Basketball.

g)    Jogadores de outros Estados deverão efetuar as suas transferências segundo o RITA da CBB.

h)   A condição de jogo deverá ocorrer até 48 horas antes do jogo programado.

i)      As equipes deverão jogar nos locais, nas datas e nos horários determinados pela FCB e deverão estar prontas para jogar 20 minutos antes do horário programado a fim de que a arbitragem faça a prévia administração do jogo, como está nas Regras Oficiais.

j)     Jogos programados em Nota Oficial não serão mais alterados, a não ser que haja motivo imponderável a critério exclusivo da FCB, recomendando-se consultas diárias ao site  www.basquetecearense.com.br

k)    As arbitragens  de todos os jogos são de responsabilidade dos Oficiais de Quadra  e de Mesa com registro ativo na FCB e na Confederação Brasileira de Basketball e as escalas dos Oficiais de Quadra e de Mesa para as arbitragens não estarão sujeitas a qualquer tipo de veto das equipes participantes.

l)      Durante a competição  todas as equipes participantes são responsáveis por qualquer tipo de lesão física de seus jogadores, não cabendo qualquer ônus à FCB, sendo recomendado que as equipes aceitas providenciem seguros de saúde para seus jogadores.

m) Qualquer dano causado aos equipamentos do jogo (tabelas, aros, placares, etc) são de inteira responsabilidade do infrator (equipe, jogador e/ou acompanhante de equipe), desde que não seja por causa natural, esta constatada por exame técnico, ou por efeitos adversos. Essa responsabilidade se estende também a outros equipamentos do patrimônio privado ou público do ginásio colocado à disposição da FCB.

n)   Cada equipe pagará uma taxa de inscrição no valor de trinta reais POR CADA JOGADOR inscrito no campeonato.

o)    Cada equipe pagará também uma taxa extra de cinquenta reais antes do início de cada partida,  sem o que a equipe  não poderá competir (perdedora WO).

p)   Haverá jogos no interior do Estado, após a fase de classificação, com as despesas de transporte, alojamento e alimentação sendo responsabilidades dos visitantes.

q)    As sedes do interior deverão oferecer ginásios de acordo com as exigências das Regras Oficias e serão responsáveis pela segurança dos árbitros e equipes visitantes.

r)     Em nenhuma hipótese, serão permitidas vendas de bebidas alcoólicas no interior dos ginásios aprovados

s)    É vedado o uso de equipamentos sonoros (buzinas, instrumentos de percussão, etc) na arena dos jogos. Os árbitros estão autorizados a coibir tais manifestações sob pena de suspensão da partida até que se cumpra este regulamento. Havendo o reconhecimento da autoria do uso do equipamento sonoro por torcida reconhecida,  a equipe em descumprimento poderá ser penalizada de acordo com as Regras Oficiais.

t)     Os protestos só serão formalizados com o pagamento de uma taxa de quinhentos reais, sem o que não será processado para o órgão julgador.

u)   As infrações disciplinares relativas à competição serão julgadas, em primeira instância, pela Comissão Disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) do basquetebol cearense, poder autônomo e independente, cabendo recurso ao pleno do mesmo TJD, sendo que, já se adverte, todos os recursos ao TJD deverão estar acompanhados das taxas devidas, conforme regimento de taxas estabelecido pelo TJD, sem o que não serão formalizados.

v) Cumprirá suspensão automática por uma partida, sujeito ainda ao julgamento da infração a ser procedido pela Comissão Disciplinar do TJD:

1)    O Técnico, acompanhante de equipe, membro de Comissão Técnica ou o jogador que for desqualificado da partida por ofensas morais ou prática de atos hostis aos Oficiais responsáveis pelas arbitragens.

2)    O Técnico, acompanhante de equipe ou o jogador que for desqualificado da partida por prática de jogo violento contra adversário, por tentativa ou agressão física a adversário.

w) Será excluído compulsoriamente do campeonato todo aquele que agredir fisicamente qualquer membro da arbitragem designada, ficando ainda sujeito ao possível julgamento da infração a ser procedido pela Comissão Disciplinar do TJD.

Descrição: asinaturax)  A equipe que não comparecer ao jogo programado no local, data e hora programadas, será declarada perdedora e pagará uma multa de R$ 300,00 (trezentos reais), podendo ainda ser excluída do campeonato a critério exclusivo da FCB, sujeito ainda ao julgamento da infração a ser procedido pela Comissão Disciplinar do TJD.  Essa multa deverá ser paga integralmente antes do próximo jogo da equipe infratora, caso não seja excluída do campeonato.

 

 

Adelson Leite Julião

Presidente

 

 

 

 

 

 




Adelson Leite Julião

Presidente

Versão para impressão